Coala Notícias

Cirurgia de varizes: como é feita, quais os tipos e preços

A cirurgia de varizes é um método criado para resolver os problemas de varizes dos pacientes, de modo que solucione e remova-as.

Geralmente esse método é utilizado apenas quando não é possível resolver as varizes através de dietas e exercícios físicos.

Portanto, confira mais a respeito da cirurgia de varizes, como é feita, para que serve, seu valor e cuidados pós cirurgia:

O que são varizes?

As varizes são veias dilatadas que se apresentam como manchas escuras sob a pele. Normalmente elas acometem a região das pernas.

Sua formação acontece devido ao processo de circulação sanguínea, em que o sangue sai do coração e vai para os órgãos a partir da artéria e retorna através das veias.

Pelo fato de o caminho do coração para as pernas ser uma descida, o sangue flui com mais facilidade.

Porém, para retornar ao coração, o sangue precisa subir, e como a tendência natural dele é ir para baixo, o corpo precisa utilizar artifícios para que o sangue suba.

Sendo assim, o corpo faz o uso de pequenas válvulas que dentro das veias que são responsáveis por fazer o sangue percorrer o caminho de volta.

Porém, seja pela idade ou por fatores genéticos, com o tempo, as veias começam a dilatar e as válvulas a apresentarem mal funcionamento.

Com isso, acaba acontecendo casos de refluxo dentro das veias, o que acaba fazendo com que o sangue fique parado dentro da veia fazendo com que ela se dilate ainda mais.

Essas veias super dilatadas são as varizes, ou seja, varizes são veias que se dilatam devido a problemas de fluxo. Geralmente, as varizes causam dores, inchaços, coceira, veias escuras e muito visíveis.

Na grande maioria das vezes a queixa principal é a estética: na posição de pé as veias ficam dilatadas, tortuosas e muito visíveis. Além disso, outros sinais e sintomas podem estar presentes:

  • presença de veias azuladas e muito visíveis abaixo da pele;
  • agrupamentos de finos vasos avermelhados que alguns pacientes chamam de “pequenos rios e seus afluentes”;
  • queimação nas pernas e planta dos pés;
  • inchação, especialmente nos tornozelos ao final do dia;
  • prurido ou coceira;
  • cansaço ou sensação de fadiga nas pernas;
  • sensação de peso nas pernas;
  • “pernas inquietas”;
  • câimbras.

Leia também: Rússia x Ucrânia: entenda o que está acontecendo

O que é a cirurgia de varizes?

As varizes são como se fossem veias entupidas e além disso podem causar dor e gerar complicações futuras. Para evitá-las, a cirurgia de varizes é utilizada como um método de aliviar os sintomas.

Porém, ela só é recomendada em casos onde exercícios e dieta não conseguem resolver o problema das varizes. Sendo assim, a única opção restante é a cirurgia de varizes.

cirurgia de varizes antes e depois

Como é feita cirurgia de varizes?

A cirurgia de varizes é utilizada como último recurso para o tratamento das varizes. Desse modo, ela só é realizada quando não é possível tratá-las de outra maneira.

O angiologista é o profissional responsável por essa cirurgia, e, apesar da possibilidade de ser feita como procedimento estético, ela normalmente é indicada em casos onde as varizes são prejudiciais.

Caso a cirurgia seja realmente a única opção, o paciente pode optar entre as possíveis maneiras de fazê-la, que são:

Escleroterapia

A escleroterapia consiste no bloqueio da veia, de modo que o sangue seja impedido de circular por ali. Sendo assim, esse método é capaz de aliviar a veia.

Ela pode ser realizada de duas maneiras, sendo uma delas a injeção de espuma especial no interior das veias e a segunda é feita com uma injeção de glicose na veia.

Esses métodos são indicados para pequenos vasos, e o método com glicose é contraindicado para pacientes diabéticos.

Também são métodos que causam de pouco a nenhum incômodo, por isso não é necessário o uso de anestesia.

Cirurgia de varizes a laser

A cirurgia de varizes a laser, também chamada de radiofrequência, se baseia na exposição da veia ao calor de maneira que esse calor queime-a.

Assim ele anula a passagem de sangue por aquela veia e impede que o fluxo de sangue fique travado nelas.

Normalmente, esse método é utilizado em veias comprometidas mais grossas, e também é uma intervenção que causa dor, o que exige a necessidade de utilizar anestesia local.

Quando é necessário recorrer a este método, as varizes que não puderam ser secadas por ele, são removidas através de pequenos cortes ou secando-as.

Cirurgia de varizes safena

A safena é uma veia que sai da virilha e vai até os pés, nesse caminho, ela acaba se dividindo em duas, a safena magna e a safena parva.

Apesar de ser uma veia grande, sua remoção não costuma afetar a saúde do corpo, pois existem outras veias que conseguem suprir seu trabalho.

Portanto, a cirurgia de varizes safena, também conhecida como safenectomia ou stripping de safena, consiste na remoção dessa veia.

Normalmente é realizada em casos onde o fluxo de sangue dela foi comprometido, seja por dilatação excessiva ou defeito nas válvulas responsáveis por mandar o sangue de volta ao coração.

Essa cirurgia é feita no hospital com o uso de anestesia raquidiana ou geral. O procedimento consiste na inserção de um tubo no interior da veia, que é utilizado para removê-la.

A remoção, assim como dito antes, é feita puxando-se o tubo que puxa a veia juntamente com ele. O nome desse tubo é flebo extrator.

Cuidados pós cirurgia

Os cuidados pós-cirúrgicos variam de acordo com o procedimento realizado. Porém, a diferença entre eles se baseia no tempo de repouso.

Sendo assim, os cuidados pós cirúrgicos são:

  • Repouso nas primeiras 24hrs, no caso das cirurgias maiores como a safena, esse tempo deve ser maior;
  • Evite tocar a área da cirurgia;
  • Não realize exercícios antes da permissão do médico responsável;
  • Evite expor a cirurgia ao sol;
  • Depilações e afins devem ser evitados nos primeiros 30 dias após a cirurgia;
  • Troque os curativos diariamente, mas tome cuidado para não remover os pontos;
  • Use meias elásticas auxiliam no processo de recuperação, mas devem ser utilizadas de acordo com orientação médica;
  • Caso a meia cause inchaço, remova-a e fique sem até que o inchaço diminua;
  • Em caso de qualquer sintoma anormal, procure o médico.

Quanto custa uma cirurgia de varizes com espuma e outros métodos?

A cirurgia de varizes possui várias maneiras de ser realizada, além disso, pode ser realizada em diferentes regiões, por diferentes médicos e clínicas.

Sendo assim, esse procedimento não possui um valor fixo, portanto seu preço normalmente varia de R$ 1.000 (mil reais) a R$ 2.500 (dois mil e quinhentos reais).

Apesar de se tratar de uma cirurgia que possui baixa possibilidade de erro, ele ainda é uma possibilidade. Portanto, essa é uma cirurgia que deve ser feita apenas em caso de necessidade para evitar complicações desnecessárias.

Leia também: Atenções e cuidados que devemos ter com nossas unhas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.